Textos

NOVA IDEIA
O tempo que parou e naquele instante floresceu o amor. A partir de então, resolveu o pensamento fazer morada no coração...
O amor acontece de maneiras diversas. Nalgumas vezes, inexplicavelmente num momento de distração, toma de assalto o coração, levando a um novo propósito de vida.
Num primeiro instante tudo é lição, isto é, amar é o exercício diário da concessão e compreensão. Se aprende a ceder, bem como os gostos, os hábitos e as manias, desenvolvendo a confiança, o respeito e a tolerância, base qualquer relacionamento interpessoal.
Compreender que ninguém é perfeito é primeiro passo para a construção de um relacionamento verdadeiro - não ideal -, o que facilita lidar com as diferenças.
Cada um traz na bagagem sua cota de memórias mais ou menos doloridas, sua parcela de culpa pelas decepções sofridas, seu punhado de erros que quisera pudessem ser reparados, mas também o desejo de amar e se deixar amar. Daí surge um novo senso de amor, com a clara nova ideia de pertencimento e realização e o que antes eram grotescas diferenças se tornam felizes coincidências.
Luana Sávia Aires
Enviado por Luana Sávia Aires em 31/07/2017
Alterado em 07/07/2018
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários