Textos


PAIS X PÃES

- Mas você acha certo criar um filho sozinha?

- Foi preciso. Éramos muito novos, precisávamos estudar, eu ainda dependente de meus pais, ele trabalhando, mas seria muito duro ali de pronto assumir uma casa.

- Ele disse isso?

- Não. Eu quis assim.

- Entendi.

- Criei meu filho sabendo que o não casamento e a ausência do pai foi no primeiro momento escolha minha, mas caso decidisse por conhecê-lo eu o faria e ainda o faço sem problemas.

- Que chique.

- Não é chique é consequência. Se você aprende a respeitar as escolhas dos outros, aprende que a vida do outro não é da sua conta, todo resto flui sem julgamentos, sem condençãoes. 

- Você tá com raiva. Muita raiva. Essa sua tranquilidade nada mais é do que raiva. 

- Questões familiares são segredo de justiça e não há terceiros avacalharem aquilo pelo que o Poder Estatal tem o dever de zelar. Cada relacionamento tem o seu tempo e a sua história. A privacidade e intimidade das pessoas é escolha de cada um ou par e tudo deve ser legalmente respeitado. O que nos faz dignos é ser humano e não um status quo ou estado civil.

- Mas ele nunca questionou, aceitou ser você e ele de boa?

- Sim. Como eu disse, foi uma escolha minha enquanto cabia a mim bater o martelo sobre nós dois. Ele tem carta branca. De outra banda evitei xingar, desmerecer, desdenhar ou amaldiçoar o pai dele. Sinceramente, fico triste quando vejo mães chamando o pai dos filhos de crápula, de inútil, de embuste, só porque ausentes, seja lá qual for o motivo da invisibilidade ou omissão. Faz o seu papel de "pãe" e pronto. Um dia as coisas se ajeitam, ou se não se ajeitarem ao gosto, paciência. 

- Avante, moça! Seu filho é um espetáculo de garoto.

- Levanto as mãos pro céu e agradeço a Deus todos os dias.

- Deve ser difícil se provar ser uma boa pessoa.

- Sim pra quem precisa deve ser?

- Sair à francesa fingindo demência, oh, là là.

- Reza a lenda que é pelo fruto que se conhece a árvore. Como você mesma afirmou, meu filho é um espetáculo de garoto, ou seja, ele é o fruto e eu - o pai dele também - a árvore.

- A moral e os bons costumes sociais precisam de você.

- C'est la vie
_________
Arte by Pascal Campion 
 
Luana Sávia Aires
Enviado por Luana Sávia Aires em 10/08/2019
Alterado em 10/08/2019


Comentários